Pingo da Mei Dia valoriza a cultura e os artistas da terra

No Pingo da Mei Dia, a sirene anunciou: é São João! A programação oficial do Mossoró Cidade Junina teve início neste sábado, 10, ao meio-dia, na Estação das Artes Elizeu Ventania. Após a prefeita Rosalba Ciarlini anunciar a abertura dos festejos, o pau de arrara elétrico e a jardineira junina saíram da Estação e percorreram o corredor cultural, dando o ponta pé inicial para o São João de Mossoró.

A abertura do Pingo da Mei Dia contou com a presença da vice-prefeita, Nayara Gadelha; a Secretária Estadual do Trabalho, Habitação e Assistência Social, Juliane Farias, representando o governador Robinson Farias; o secretário municipal de planejamento, Aldo Fernandes; o secretário municipal de cultura, Eduardo Falcão; o deputado federal Beto Rosado; a deputada estadual Larissa Rosado; a presidente da Câmara Municipal de Mossoró, Izabel Montenegro; e os vereadores Francisco Carlos e Sandra Rosado.

A prefeita Rosalba Ciarlini destacou que o Mossoró Cidade Junina terá um caráter mais cultural, com a valorização do artista da terra. “Todas as atrações do Pingo da Mei Dia são de Mossoró”, diz a prefeita, lembrando que todos os artistas que irão se apresentar no evento receberam o cachê antecipado.

Para a vice-prefeita Nayara Gadelha, a valorização da prata da casa é uma maneira de abrilhantar ainda mais o evento. “O Pingo da Mei Dia é uma festa dos mossoroeses. Quando o artista da terra sobre no trio, ele está cantando para sua família, seus amigos, o seu povo. Ele se apresenta com muito mais amor”.

Juliane Farias enfatizou que o Pingo da Mei Dia é importante não apenas para Mossoró, mas para todo o Rio Grande do Norte. “É uma festa que atrai milhares de pessoas de todo o Brasil”, observa. Ela enfatiza que o Governo do Estado disponibilizou 150 policiais para reforçar a segurança do evento.

O secretário municipal de cultura, Eduardo Falcão, lembra ainda que o Mossoró Cidade Junina não é apenas festa. O evento movimenta a economia de um modo geral. “Os hotéis estão quase com 100% de ocupação, os profissionais de setor de beleza, de vestuário e alimentos têm um incremento na renda nesse período. É uma festa que possibilita movimentar vários setores, gerando emprego e renda para a população”, frisa.

PINGO DA MEI DIA

Milhares de pessoas saíram atrás dos trios no corredor cultural, no percurso que vai da Estação das Artes Elizeu Ventania até a Praça da Convivência. A animação ficou por conta de Nataly Vox, Forró dos Três, André Luvi, Giannini Alencar, João Neto Pegadão, Renata Falcão, e Aline e Dayvid Almeida.

Além de valorização dos artistas da terra, o Pingo da Mei Dia foi marcado pela organização. O decreto da Prefeitura de Mossoró que regulamentou a ocupação do espaço público e limitou a instalação de camarotes no Corredor Cultura possibilitou que a festa fosse aproveitada por todos.

A cadeirante Maria Francisca que o diga. Dançando e dando exemplo de alegria, ela aprovou a organização da festa. Deu até para suas amigas, também cadeirantes, ir atrás do trio. “O espaço está bem melhor”, avalia.

Rosalba Ciarlini enfatizou que o Mossoró Cidade Junina é uma festa do povo mossoroense. “Há 21 anos tivemos essa ideia de fazer São João de Mossoró. Uma ideia que foi o povo quem nos deu, com suas quadrilhas e seus arraiás nos bairros. Nós centralizamos esses eventos na Estação das Artes Elizeu Ventania e demos início a essa grande festa. O Mossoró Cidade Junina é um evento turístico, gerador de renda, de empregos e de oportunidade”, diz a prefeita.

Leave a Comment