Projeto Misturando Poesias leva cultura popular ao Memorial da Resistência

O projeto Misturando Poesias levou na noite deste sábado, 09, dez poetas locais para o palco do Polo de Cultura Popular, no Memorial da Resistência. Antônio Francisco, Nilton da Pedra Branca e outros oito trouxeram a animação com a embolada de coco, cantoria de viola, MPB regional e cordel de poesia popular.

O Misturando Poesias já participa do Mossoró Cidade Junina há seis anos e no restante do ano leva cultura à zona rural da cidade. “É um trabalho que mostra o que é a cultura popular do Nordeste e deveria estar no mundo todo”, disse o poeta Antônio Francisco.

O poeta Maurílio Santos também falou sobre a cultura tradicional da Região. “É um balaio de cultura que mistura quatro linhas populares”, destacou.

Claudia Lisboa, que mora em Mossoró há pouco tempo esteve no Memorial da Resistência para conhecer o trabalho dos poetas. “Gosto desse tipo de cultura e ouvi falar muito bem do trabalho deles. Vim conferir”, afirmou.

O capoeirista Vaval Angola também prestigiou o espetáculo dos poetas. “As pessoas deveriam valorizar mais esses artistas. Antônio Francisco, por exemplo, esse cara é um mestre, humilde. Bacana a iniciativa de trazer esse trabalho durante o Mossoró Cidade Junina”.

 

Leave a Comment