Produção artística mossoroense é a grande atração do Polo de Cultura Popular do MCJ 2019

Espaço resgata as tradições e expõe os trabalhos artesanais, culinários e culturais de artistas Mossoroenses

Funcionando de quinta a domingo, na praça do Memorial da Resistência, o Polo de Cultura Popular do MCJ 2019 se tornou o palco de exposições das criações artísticas mossoroenses. Ao todo, cerca de 50 artistas estão expondo seus trabalhos manuais, de literatura e de culinária típica para o público que vem assistir as apresentações culturais que acontecem no palco.  

Os artesãos do Polo de Cultura Popular do MCJ 2019 receberam a visita da Prefeita Rosalba Ciarlini.

No último domingo (16), a Prefeita Rosalba Ciarlini esteve visitando o espaço do Polo de Cultura Popular do MCJ 2019. Aos domingos a programação é toda voltada para as crianças com apresentações de musicalização infantil, contação de histórias, teatro de Fantoches, danças populares, além de música popular. “Esse espaço mantém viva a cultura regional, a festa junina de interior, nossas tradições nordestinas. É o trio pé de serra, a comida típica, o cordel, o fuxico, o artesanato. Uma feira ao ar livre que mostra como nossa gente é criativa, como nossa arte encanta e tem seu valor”, comentou a prefeita.

Artesãos do projeto Geração de Oportunidade, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, expõe e comercializam seus produtos no Polo de Cultura Popular.

Os artesãos do projeto Geração do Oportunidades, desenvolvido pela secretaria municipal de Desenvolvimento Social e que capacita pessoas da periferia para aprender um novo ofício, também estão expondo e comercializando seus produtos no Polo de Cultura Popular. É o caso da artesã Matilde Amorim que trabalha com laços infantis e arranjos de flores em EVA. “É uma ótima oportunidade, a gente vem trazer nossos produtos sem custo nenhum, tudo com o apoio do município. Traz nosso produto, divulga o nosso trabalho. Essa é a minha única fonte de renda. A Prefeitura está criando oportunidade para todos nós”, destacou a artesã.

O músico Denilson Duarte, se apresentou neste domingo juntamente com seus alunos no palco do Polo de Cultura Popular e reconheceu a importância desse espaço de valorização da produção artística local. “É muito importante ter esse espaço durante o maior evento da nossa cidade, para expor nosso trabalho e tudo aquilo que a gente ensaia. Mossoró Cidade Junina, principalmente esse ano, está de parabéns pela organização”, elogiou.

Alaíde Góes estava com a família e diz que ver a produção cultural dos artistas locais resgata o orgulho de ser mossoroense.

A balconista Maria Alaíde Dantas de Góes veio com o marido, as três irmãs e os sobrinhos aproveitar a programação no polo de cultura popular. “Todo dia a gente aproveita uma coisa. Ontem nós fomos nas quadrilhas, outro dia vamos para os shows e hoje viemos com as crianças aproveitar o polo de cultura popular. A festa esse ano está bem organizada, a programação também. Temos visto muito turista, é lazer para as crianças e adultos. É uma forma que a cidade tem de mostrar nossa produção cultural, como hoje, por exemplo a apresentação da escola de artes com os alunos de música. Isso resgata o orgulho de ser mossoroense”, frisou Alaíde.

Leave a Comment