Câmara Municipal homenageia Mossoró Cidade Junina em audiência pública

A prefeita Rosalba Ciarlini participou na noite desta quinta-feira de audiência pública na Câmara Municipal de Mossoró, em homenagem aos 23 anos de Mossoró Cidade Junina (MCJ) e 18 anos de Chuva de Bala. A sessão foi presidida pela presidente da Câmara, Izabel Montenegro.

”O MCJ não pertence a quem criou ou a quem conduziu depois. O evento é do povo. O povo que não preserva a sua história não tem como pensar no seu futuro. A câmara respeita e valoriza a nossa gente com essa homenagem”, disse a prefeita Rosalba Ciarlini, que lembrou também em seu discurso de como tudo começou e também da atual valorização do evento por parte do município.

“As quadrilhas foram se encorpando. Foi então que veio o período que conseguimos a Estação das Artes, em um tempo muito difícil. Aí veio a ideia de juntar todos os pólos e fazer o MCJ. Foi dessa forma que tudo começou. Mossoró investe em um evento que traz retorno a economia e geração de renda. Não é uma festa qualquer. É uma festa que a cada real investido retornam 7 para a cidade”, frisou a prefeita.

A audiência contou com a presença da vice-prefeita Nayara Gadêlha, do Deputado Federal Beto Rosado, do Secretário de Cultura Eduardo Falcão, e da professora e ex-secretária de Cultura, Isaura Amélia.

“A cultura é responsável por mostrar costumes e saberes populares. Ela tem que contribuir para o engrandecimento histórico. O MCJ e o Chuva de Bala são exemplos”, ressaltou Isaura em seu discurso, onde apresentou os avanços do evento ao passar dos anos.

Durante a sessão foram entregues também homenagens aos colaboradores da história vitoriosa do MCJ durante todos estes 23 anos. A prefeita Rosalba Ciarlini foi uma das homenageadas com o troféu Gonzaga Chimbinho.

Leave a Comment